Home Segurança Março de 2022 apresenta o menor número de mortes por crimes violentos nos últimos 27 meses no Ceará

Março de 2022 apresenta o menor número de mortes por crimes violentos nos últimos 27 meses no Ceará

5 min read
0
0
222

O mês de março de 2022 registrou o menor número de Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLIs), no Ceará, desde dezembro de 2019. Ou seja, é o melhor balanço dos últimos 27 meses. A estatística criminal engloba os números de homicídios dolosos/feminicídios, lesão corporal seguida de morte e latrocínio. Os dados foram compilados pela Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp), na última sexta-feira (1º).

O terceiro mês de 2022 apresentou o total de 227 vítimas. Quando analisados todos os períodos anteriores, esse foi o menor número de CVLI registrado desde dezembro de 2019, quando ocorreram 205 casos no Ceará. Se for comparado o terceiro mês deste ano com março de 2021, há ainda a retração de 8,8%. Ou seja, foram 227 contra 249.

Com o balanço apresentado, em se tratando dos meses de março, a redução é a melhor desde 2019, quando ocorreram 64 CVLIs em Fortaleza e 189 no Ceará. “Tudo isso é fruto de um trabalho continuado e integrado, baseado em inteligência e estatística, e com muitas ações operacionais de investigações da Polícia Civil e ações ostensivas e preventivas da Polícia Militar”, pontuou o secretário da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), Sandro Caron.

Fortaleza e Região Metropolitana

O trabalho das Forças de Segurança impactou na redução de 11,9% nos CVLIs de Fortaleza, em março, quando ocorreu a retração de 84 crimes, nesse mês de 2021, para 74, no mês passado. Três municípios da Região Metropolitana também apresentaram balanço positivo em relação ao CVLI, no terceiro mês de 2022. Caucaia foi um deles, com diminuição de 33,3%, passando de 27 crimes para 18 em comparação ao mesmo mês de 2021. Já Maracanaú foi de 12 crimes para seis, com redução de 50%. Por fim, Maranguape teve queda de 25%, indo de quatro para três CVLIs.

“A redução é resultado de um trabalho baseado em dados concretos e em estatísticas, com base também em inteligência policial, aumentando-se sempre as atividades operacionais e investigativas, e também o número de capturas de criminosos, bem como as apreensões de armas de fogo”, destacou Caron.

Balanço trimestral

Quando analisado o balanço do trimestre, o ano de 2022 também apresenta diminuição em comparação a 2021. Na Região Metropolitana, a retração foi de 19,6%, indo de 245, no primeiro trimestre do ano passado, para 197, de janeiro a março deste ano. Já a queda em Fortaleza foi de 10,4%, passando de 251 para 225 CVLIs. Janeiro, fevereiro e março deste ano, no Ceará, registraram uma redução de 6,3% em comparação ao ano passado. Foram 805 crimes que reduziram para 754.

Kátia Alves

Editora-chefe do Contexto Notícias é jornalista formada pela Unifanor em 2006, pós-graduada pela Unichristus em MBA em Gerência de Marketing, Assessoria de Comunicação pela Estácio e Língua Portuguesa pela UniAteneu. Foi jornalista da TV Verdes Mares, TV Fortaleza e TV Ceará. Passou pelos site Pirambu News (@pirambunews), Somos Mídia (@somosmidia) e Conexão 085 (@conexao085oficial). Passou pelas assessorias do Instituto Isa Magalhães e Superintendência Federal de Agricultura.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Kátia Alves
Carregar mais Segurança

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × dois =

Verifique também

Inscrições para Enem 2024 começam nesta segunda-feira, dia 27 de maio

A inscrição é feita através da Página do Participante do Enem, com CPF do estudante e senh…