Home Cidade Medalha da Abolição reconhece nove cearenses de destaque no período de 2020 a 2022

Medalha da Abolição reconhece nove cearenses de destaque no período de 2020 a 2022

7 min read
0
0
102

Na noite da última sexta-feira (25), feriado da Carta Magna, ocorreu a entrega da Medalha da Abolição 2020-2022, principal comenda do Ceará que homenageia personalidades cuja atuação vinculada ao estado obtiveram destaque. O prefeito José Sarto compareceu à cerimônia, outorgada pelo governador Camilo Santana e pela vice-governadora Izolda Cela.

Em caráter retroativo, relativo aos dois anos anteriores por conta da pandemia da Covid-19, a honraria celebrou nove agraciados: Maria do Perpétuo Socorro França Pinto, ex-procuradora-geral de Justiça do Ceará e titular da Secretaria de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos; Espedito Seleiro (Espedito Veloso de Carvalho), artesão e Mestre da Cultura do Ceará; Tom Cavalcante (Antônio José Rodrigues Cavalcante), humorista, ator, apresentador, radialista e dublador; Maria Nailde Pinheiro Nogueira, desembargadora e presidente do Tribunal de Justiça do Ceará; Capacete Elmo, inovação cearense utilizada no tratamento de pacientes com covid-9; Preto Zezé (Francisco José Pereira de Lima), presidente da Central Única das Favelas, empreendedor, produtor cultural e musical; Amandinha (Amanda Lyssa de Oliveira Crisóstomo), jogadora de futsal, tricampeã mundial com a Seleção Brasileira de Futebol e eleita oito vezes a melhor do mundo na modalidade; Cid Ferreira Gomes, senador da República, governador do Ceará por oito anos e ex-ministro da Educação; José Ricardo Montenegro Cavalcante, industrial cearense há 34 anos e presidente da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec).

Foto: Kiko Silva

Sarto destacou a pluralidade da comenda, que abrange diferentes e importantes setores, como arte, cultura, saúde, política e indústria. “Esta é uma medalha que homenageia personalidades talentosas que contribuem muito com o estado do Ceará. Quero parabenizar e agradecer os homenageados por toda a contribuição que realizaram e realizam para o estado do Ceará”, declarou Sarto.

Já Camilo Santana enfatizou não somente a importância de relembrar o pioneirismo do estado na abolição da escravatura há 138 anos, bem como os avanços da sociedade desde então, com destaque para o advento do capacete Elmo. “Sabemos o que representou o capacete na pandemia, não só para milhares de cearenses, mas para os brasileiros. O equipamento reduziu em 60% a necessidade de intubação dos pacientes com Covid e é resultado da parceria entre iniciativa privada, academia e poder público, que investiram na ciência. É uma homenagem mais que justa a essa equipe que ajudou a construir caminhos para salvar vidas”.

Nenhuma sociedade atinge o desenvolvimento social sem ciencia e tecnologia de ponta, de acordo com Marcelo Alcântara Holanda, idealizador do capacete Elmo e superintendente da Escola de Saúde Pública do Ceará. “Este é um momento de muita felicidade e gratidão eh gratidão ao Governo do Estado pela pela a honraria maior do nosso estado. Esta é a primeira vez que é entregue a uma equipe, que trabalhou nesse projeto de inovação e saúde, trazendo perspectivas realmente diferenciadas pra melhoria do ecossistema de inovação no estado do Ceará. A medalha nos dá mais força e nos ajuda a trabalhar com mais amor e motivação para salvar vidas”, disse.

Saiba mais

A comenda, instituída em 1963, reconhece o trabalho relevante de brasileiros para o Estado do Ceará ou para o Brasil. É a mais alta honraria concedida pelo Governo do Estado e a escolha dos nomes é feita por uma comissão, por meio de decreto e instituída pela lei estadual nº 6.454, em alusão ao ato de Francisco José do Nascimento, o Dragão do Mar.

Kátia Alves

Editora-chefe do Contexto Notícias é jornalista formada pela Unifanor em 2006, pós-graduada pela Unichristus em MBA em Gerência de Marketing, Assessoria de Comunicação pela Estácio e Língua Portuguesa pela UniAteneu. Foi jornalista da TV Verdes Mares, TV Fortaleza e TV Ceará. Passou pelos site Pirambu News (@pirambunews) e Somos Mídia (@somosmidia). Passou pelas assessorias do Instituto Isa Magalhães e Superintendência Federal de Agricultura. Atualmente, também trabalha no site Conexão 085 (@conexao085oficial).

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Kátia Alves
Carregar mais Cidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − 5 =

Verifique também

Central de Atendimento à Mulher recebeu 1.558 ligações por dia em 2023

A Central de Atendimento à Mulher ou Ligue 180 recebeu, ao longo de 2023, um total de 568,…