Home Entretenimento CINE MIAU: Crianças com deficiência visual e auditiva participam de oficina de cinema de animação

CINE MIAU: Crianças com deficiência visual e auditiva participam de oficina de cinema de animação

9 min read
0
0
105

Dez crianças com deficiência auditiva e 10 com deficiência visual vão aprender técnicas do cinema de animação. A oficina é uma das atividades que marcam o lançamento do 4º CINE MIAU – Mostra Internacional Infantil de Audiovisual, que anualmente abraça a acessibilidade em sua programação.  A atividade vai acontecer de 18 a 22 de abril nas próprias escolas onde estudam. Pela manhã, será no Instituto de Cegos do Ceará e à tarde, na Escola Municipal de Educação Bilíngue Francisco Suderland Bastos Mota.

Os dez alunos da oficina em cada instituição vão participar da produção de um curta-metragem que deverá ter até dois minutos de duração, com o tema “Acessibilidade”. Serão 12 horas/aula de aprendizado com o professor Clayton Bochecha, realizador e produtor de animação para séries de TV, filmes e peças publicitárias.

COMO SERÁ A OFICINA

Toda a atividade foi adaptada para que as crianças com deficiência visual e auditiva possam compreender o processo de construção do filme. Para que pudessem enxergar etapa por etapa, do modo como um objeto é animado, foram criadas peças tridimensionais. Através do contato com essas peças, as crianças vão entender movimento por movimento de um personagem e ter a clareza de como é a motricidade das coisas. Depois dessa etapa, será dado início à criação do filme.

Para desenvolver o curta-metragem, as crianças vão trabalhar na técnica de stop motion, utilizando massinhas de modelar, para modificar a forma do personagem ou do objeto. Cada modificação será registrada foto a foto. “Com essa atividade as crianças terão a percepção da mudança que está acontecendo, do movimento que foi criado e com isso vão gerar um filme de animação. Nós vamos ter o privilégio de enxergar a animação da forma como essa criança enxergou com as mãos”, explica Clayton Bochecha.

As oficinas de Cinema de Animação do 4° CINE MIAU tiveram início em Maracanaú, entre os dias 11 e 15 de abril. Depois de Fortaleza, a ação formativa segue para Itapipoca, onde será realizada de 25 a 29 de abril.

EXIBIÇÕES DE FILMES NACIONAIS E INTERNACIONAIS

A democratização do acesso ao audiovisual para crianças é o propósito do CINE MIAU, que anualmente leva conhecimento e entretenimento para públicos que nunca ou pouco tiveram a experiência de assistir a um filme numa grande tela de cinema. Além da atividade formativa, as três cidades – Fortaleza (17 a 19/05), Maracanaú (30/05 a 05/06) e Itapipoca (06 a 12/06) – receberão a mostra e debates do CINE MIAU, que exibirá filmes nacionais e internacionais que estão fora do circuito de cultura de massa, voltados para o público infantil.

As crianças participantes da oficina em Fortaleza estarão na plateia do CINE MIAU nas sessões acessíveis que vão marcar a abertura da mostra desta edição, no dia 17 de maio. Serão duas sessões, às 9h e às 14h, no Cineteatro São Luiz, equipamento da Secretaria da Cultura do Estado (Secult CE), gerido em parceria com o Instituto Dragão do Mar (IDM).

Ao todo, o 4º CINE MIAU vai realizar 54 sessões de cinema, sendo 18 em cada cidade. Destas, três serão ao ar livre e abertas para as comunidades e 15 serão exclusivas para alunos de escolas públicas e projetos sociais. O evento contará também com debates entre profissionais do audiovisual e crianças de algumas escolas participantes, sobre os filmes assistidos e a arte do cinema de animação. O público estimado para esta edição é de 6 mil pessoas.

CARBONO ZERO

A Mostra levanta a bandeira em defesa do Meio Ambiente. O projeto está calculando a sua emissão de gases de efeito estufa e a neutralizará com a plantação de mudas de árvores nativas em áreas de reflorestamento no Ceará.

O Cine Miau é uma realização do Instituto Seara de Cultura e Desenvolvimento e da Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo, via Lei de Incentivo à Cultura. Com o patrocínio do Grupo Dass, Durametal, Jangadeiro Textil, Projeart, Varejão da Sucata, Cagece e Secretaria das Cidades do Ceará. Apoio da Secretaria da Educação de Fortaleza, Secretaria da Educação de Itapipoca e Secretaria da Educação de Maracanaú. Parceria da BG Soluções Sociais, Cinema Centerplex North Shopping Maracanaú, Cine Pinheiro, Cineteatro São Luiz, Centro Cultural Bom Jardim, Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Museu da Imagem e Som (MIS), Instituto Dragão do Mar e Secretaria da Cultura do Ceará. Produção de Invento Produções Culturais e D’grau Produções.

Kátia Alves

Kátia Alves

Editora-chefe do Contexto Notícias é jornalista formada pela Unifanor em 2006, pós-graduada pela Unichristus em MBA em Gerência de Marketing, Assessoria de Comunicação pela Estácio e Língua Portuguesa pela UniAteneu. Foi jornalista da TV Verdes Mares, TV Fortaleza e TV Ceará. Passou pelos site Pirambu News (@pirambunews) e Somos Mídia (@somosmidia). Passou pelas assessorias do Instituto Isa Magalhães e Superintendência Federal de Agricultura. Atualmente, também trabalha no site Conexão 085 (@conexao085oficial).

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Kátia Alves
Carregar mais Entretenimento

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − 13 =

Verifique também

Theatro Via Sul recebe espetáculo do Peter Pan

Uma aventura na Terra do Nunca: Acredite nos seus sonhos! Esse clássico ganhará uma montag…