Home Segurança Centro de Fortaleza apresenta redução de 43,9% nos roubos em maio

Centro de Fortaleza apresenta redução de 43,9% nos roubos em maio

5 min read
0
0
243

Os Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVPs) na região do Centro apresentaram uma redução de 43,9% no último mês de maio em comparação ao mesmo período de 2021. Foram 164 crimes, no ano passado, que reduziram para 92, conforme levantamento feito pela Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp), instituição vinculada à Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Os CVPs englobam todos os tipos de roubos, exceto latrocínio.

O secretário da SSPDS, Sandro Caron, ressaltou o trabalho integrado das Polícias Militar e Civil no Centro de Fortaleza, tanto com ações ostensivas quanto investigativas, todas amparadas pela inteligência. “Isso é resultado de uma série de ações integradas nas ações ostensivas da Polícia Militar do Ceará, que vem contando com o apoio da área de inteligência com dados estatísticos para posicionar bem o policiamento, e também de ações da Polícia Civil em que pessoas envolvidas nesse tipo de delito foram identificadas. Seguimos com resultados, buscando reduzir ainda mais os crimes em Fortaleza e em todo o Ceará”, disse

Periodicamente, a Forças de Segurança também se reúnem com representantes da Câmara de Dirigentes Lojistas de Fortaleza (CDL) e do Sindicato do Comércio Varejista e Lojista de Fortaleza (Sindilojas), com o objetivo de traçar um trabalho conjunto, visando proporcionar segurança e bem-estar tanto para quem trabalha no Centro da Capital, bem como para quem o frequenta.

Balanço do ano

Quando se trata do ano de 2022 (janeiro a maio), o Ceará também apresentou uma importante retração. A queda foi de 19,6%, indo de 664 crimes para 534. De acordo com o comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar do Ceará (PMCE), que abrange a região do Centro de Fortaleza, tenente-coronel Otoniel Oliveira, algumas estratégias foram fundamentais em todo o corredor comercial do território em questão para que os indicadores reduzissem.

“Colocamos o ciclopatrulhamento em quadrantes de maior incidência de CVPs. Além disso, viaturas e motopatrulhamento também reforçaram as ações nas paradas de ônibus, principalmente nos horários em que as pessoas estão chegando e saindo do Centro. O policiamento a pé também foi alocado para locais estratégicos. Tudo isso monitorado de acordo com as estatísticas da Secretaria da Segurança”, pontuou.

Kátia Alves

Editora-chefe do Contexto Notícias é jornalista formada pela Unifanor em 2006, pós-graduada pela Unichristus em MBA em Gerência de Marketing, Assessoria de Comunicação pela Estácio e Língua Portuguesa pela UniAteneu. Foi jornalista da TV Verdes Mares, TV Fortaleza e TV Ceará. Passou pelos site Pirambu News (@pirambunews), Somos Mídia (@somosmidia) e Conexão 085 (@conexao085oficial). Passou pelas assessorias do Instituto Isa Magalhães e Superintendência Federal de Agricultura.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Kátia Alves
Carregar mais Segurança

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − 8 =

Verifique também

Inscrições para Enem 2024 começam nesta segunda-feira, dia 27 de maio

A inscrição é feita através da Página do Participante do Enem, com CPF do estudante e senh…